4 de novembro de 2016

NaNoWriMo 2016 | Novo projeto: Interligado

Quem assina a newsletter do SI&F (não assinou ainda? Então clique aqui) já está sabendo que eu estou participando do NaNoWriMo desse ano. Para quem ainda não conhece, é um desafio que consiste em escrever um romance de 50 mil palavras em 30 dias — começando dia primeiro de novembro. Nesse post de 2014, falo em detalhes sobre como funciona, além de listar algumas dicas que reuni pela internet.


Alguns links interessantes:

Já participei de várias edições: em 2014, no Camp NaNoWriMo de 2015 e desse ano, e também em novembro de 2015 (mas não cheguei a fazer post sobre esse projeto aqui no blog). Por motivos diversos, desde desorganização até ter que ficar cuidando do meu gato (que ficou doente no ano passado), não venci nenhuma delas.

Mas agora, em 2016, estou mais organizada, e bastante motivada para bater (e até ultrapassar) minha meta diária. Neste exato momento, o livro conta com 7087 palavras escritas!

Agora, vamos ao projeto. Confira abaixo a capa (provisória) e a sinopse (também provisória) de Interligado:


Sinopse: Ramaddeshia é a filha do rei de Matrixion, possível herdeira do Trono, mas sua paixão está na tecnologia. Por isso viaja a Vaddalukka a fim de comparecer à Feira de Inventos, onde pretende apresentar para o mundo a Rede — seu projeto inovador e visionário que promete conectar todos os computadores do mundo, permitindo que as informações viajem de uma ponta a outra em poucos segundos. Também pretende visitar Illana Inaux, a dona da maior empresa de carros do mundo, com quem está desenvolvendo outro grande projeto, unindo magia e tecnologia de uma forma que promete mudar a visão do mundo sobre ambas.
Enquanto isso, Njara, chefe do Departamento de Investigações de Delitos Mágicos, procura pelos responsáveis por uma série de estranhos assassinatos, todos aparentemente ligados a um único e perigoso ritual mágico, que aterroriza a cidade.
Como se não bastasse isso, uma irmandade de magos fanáticos se revelou, repudiando os avanços tecnológicos recentes e prometendo para a chegada do quarto milênio, dali a 26 anos, o ressurgimento do glorioso Império Valashiano, que ruiu há quatro mil anos por causas desconhecidas. Além disso, Jainne, administradora de Vaddalukka, quer lançar Inatrixial, uma inteligência artificial que ficaria responsável por garantir a segurança de todo o país — mas suas reais intenções parecem ir bem além disso.
Em meio a tudo isso, Ramaddeshia pode acabar descobrindo que a Rede, projeto que desenvolveu pensando no futuro e no avanço tecnológico, pode ser a ferramenta para o desencadeamento de um enorme desastre.

Como vocês puderam perceber pela sinopse, Interligado (ou Deusa Artificial, ou Divindade Artificial, outros dois títulos que estou cogitando) é um livro de fantasia, mas mistura coisas de outros gêneros, como a tecnologia e as inteligências artificiais e investigação policial. É ambientado em um país chamado Matrixion, que fica em Myhorr, o mesmo mundo de A Deusa de Cristal — mas se passa inteiramente em uma única cidade, Vaddalukka.

Interligado foi pensado primeiramente como um conto, que tinha como objetivo ser postado no Wattpad para o desafio #Escreva2016 (o projeto ao que parece está parado, mas consistia em escrever dois contos ao mês dentro de temas específicos). Mas eu percebi que Interligado ficaria maior que eu esperava e, já como sempre eu comecei a escrever no último dia de prazo, me dei conta de que não ia terminar a tempo, então deixei a ideia de lado e parti para outra (Vinte minutos para o fim do mundo).

Mas essa história não quis ser deixada de lado e ficou na minha cabeça, me chamando ocasionalmente, não me deixando esquecer que existia. Lá para abril, eu decidi que ela seria uma novela e seria escrita no Camp NaNoWriMo daquele mês, depois que eu terminasse A Cidade do Futuro (que se mostrou maior do que eu esperava e que no final teve sua escrita pausada no capítulo 1 porque eu precisava repensar enredo e personagens). Apesar da minha falha nessa edição, continuei pensando em escrever Interligado em algum momento de 2016.

Acontece que em 2016 estive bem desorganizada em relação à escrita, me alternando entre retrabalhar todo o enredo e os personagens da série A Deusa de Cristal (que até pouco tempo atrás se chamava O Segredo de Todos os Mundos) e escrever contos para concursos e desafios literários (e procrastinar muito).

Então chegou outubro, e começaram a falar do NaNoWriMo. Eu nem pretendia participar nesse ano (minha ideia era escrever duas novelas, Interligado e a nova versão de Os Amantes de Histórias, e nem esperar novembro começar), mas as pessoas começaram a fazer posts na internet sobre sua preparação, eu até fui convidada para um evento (se você for de São Paulo, fica a dica) e acabei me empolguei.

Mais ou menos na metade de outubro, comecei a trabalhar no planejamento de Interligado, já me rendendo à constatação de que não vai render nada menor que um romance de 70 mil palavras. Minha ideia era deixar tudo bem preparado — o planejamento dos capítulos e das cenas, os personagens devidamente fichados, o grosso das pesquisas. Mas terminei outubro só com o planejamento dos capítulos, deixando as cenas para planejar na hora de escrever, que é algo que acaba me empolgando (e de qualquer jeito eu sempre acabo mudando uma coisa ou outra no enredo, embora a essência permaneça), e o resto não fiz porque não deu tempo mesmo. Mas pretendo aproveitar os finais de semana e feriados para fazer as fichas dos personagens e adiantar algumas coisas em relação às pesquisas.

Agora, estou quase completamente focada na escrita (que é algo que gosto muito mais de fazer do que planejar, confesso) e bastante satisfeita com os meus resultados até agora. Duvido que vou terminar o romance até o final de novembro (já escrevi 7 mil palavras e só tenho o prólogo e o comecinho do capítulo 1), mas estou bem esperançosa quanto a alcançar a meta de 50 mil palavras e espero terminar a primeira versão de Interligado até dezembro.

Estou postando meu diário de escrita e alguns trechos nas redes sociais (Instagram e Facebook), mas pretendo fazer um post semanal, que vai sair toda quarta-feira se tudo der certo, em que vou reunir detalhes sobre o meu desempenho semanal e mais algumas informações sobre o enredo e os personagens de Interligado. Você também pode acompanhar meu progresso no meu perfil do NaNoWriMo.

Enquanto isso, vou deixar você tentando imaginar o que é que Jamala anda aprontando:

Uma foto publicada por Sonhos, Imaginação & Fantasia (@blogsif) em


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para deixar opiniões, dúvidas e sugestões. Se tiver um blog, deixe o link ao final de seu comentário para que eu possa visitá-lo.

Ao comentar, tenha bom senso (ou leia isto), de modo a evitar que seu comentário não seja publicado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...